tagalong

O que é Tag Along e por que ele é importante

Muitos investidores pessoa física não sabem ou não dão a devida importância para esse mecanismo criado para proteger os pequenos investidores de longo prazo, que se chama tag along.

O tag along dá ao acionista minoritário o direito de vender as ações da empresa por um percentual, que pode chegar a 100%, do preço que o acionista majoritário vender as suas ações no caso de troca do controle acionário da empresa.

Imagine que você já é um acionista minoritário de uma empresa por muitos anos. O preço de mercado dessas ações atualmente é de R$0,60. Um belo dia você fica sabendo pelo jornal que os majoritários já acertaram a venda do controle da empresa. Eles vão vender suas ações por R$1,00.

Você fica imaginando por que motivos os atuais controladores vão querer vender a empresa. Afinal de contas ele continua uma boa empresa não é? Ou será que não! Os majoritários, como controladores da empresa têm acesso a informações que você não tem, correto?! Se eles vão querer vender a empresa para outro grupo é sinal de que ela não é tão boa assim como você pensava.

Mas, você não tem com o que se preocupar porque você leu aqui no meu blog ESTE ARTIGO. Portanto você sabe que as ações ON tem no mínimo 80% de tag along. Por isso você fica tranquilo porque vai receber 80% do valor pago aos controladores, ou seja, R$0,80.

Assim funciona o tag along. No caso do exemplo fictício acima, se a oferta aos controladores for de R$1,00 e o tag along for de 80% então os minoritários podem receber R$0,80. Se for de 100% então seria o mesmo valor oferecido aos controladores.

Governança Corporativa

A governança corporativa é um conjunto de práticas que visam tornar as decisões e a administração da empresa transparente para toda a comunidade. Na Bovespa existem vários níveis de governança corporativa sendo que o nível mais avançado se chama Novo Mercado.

Nesse nível, uma das exigências para uma empresa fazer parte dele é, dentre outras coisas, que a companhia garanta 100% de tag along aos acionistas minoritários.

Com isso sabemos que empresas como Ambev, Weg, Eternit e tantas outras possuem esse mecanismo de proteção. Para se ter uma idéia, existem mais de 100 empresas listadas no Novo Mercado.

PN Não Garante Tag Along

As ações preferenciais não garantem tag along para os minoritários, a não ser que isso esteja especificado no estatuto da empresa.

Entre as empresas que estendem o tag along para as ações preferenciais estão Gerdau (100%) e Bradesco (80%, dentre outras.

Casos Famosos

Um dos casos mais famosos onde o tag along fez diferença nas negociações foi em 2004. Era a criação da InBev onde o controle acionário da Ambev passou para a Interbrew, da Bélgica.

Com os rumores das negociações, as ações ON da Ambev acumularam valorização de mais de 35% em 5 pregões. Com o anúncio oficial da transação houve valorização de mais de 10% nos 2 pregões posteriores. Nesses mesmos 2 pregões, as ações PN cairam mais de 7%.

Outro caso famoso foi dos rumores de aquisição da Usiminas pela Gerdau ou CSN em 2011. Como a Usiminas só tinha o benefício para as ações ON e não para as PN, estas em maio daquele ano registravam desvalorização de mais de 20%.

Concluindo

Esses casos que já ocorreram mostram claramente o quanto é importante escolher empresas que estendem este benefício para os acionistas minoritários que investem seguindo a filosofia do Buy and Hold (Compre e Segure). Ele ´s método de investimento no qual consistem em comprar ações de boas empresas e ficar com elas por tempo indeterminado.

Nesses casos é importante ter essa proteção, pois no longo prazo existe sempre a possibilidade de troca de controle acionário da empresa. Afinal, se a empresa é tão boa assim por que os controladores querem vende-la?

Já, para quem faz trades de curto prazo isso não influência tanto, que exista a confirmação da mudança de controle da empresa ou até mesmo rumores sobre isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *